22 de dezembro de 2016

Natal de Luz para você!

... e que em 2017 possamos ficar mais conscientes daquilo que realmente importa em nossas Vidas!!!

Natal de Luz from Vera Felippetto on Vimeo.

São nossos singelos votos!!!

RIDE YOUR WORLD!

16 de dezembro de 2016

Divirta-se com sua Harley-Davidson!

O ser humano gosta de complicar as coisas, não é mesmo? Compra um brinquedo para se divertir ou porque tinha um sonho de infância ou de juventude e começa a agir como na sua profissão... Começa a impor objetivos, metas e resultados...😕

Daí, muitos acabam se enjoando da brincadeira, pois o que era para ser prazeroso virou stress e desgaste e vaidade.
Por isso vejo o quanto é importante termos o "feeling" e saber quando - sim e quando - não. 

" Se não for divertido, não faça. " Do livro: O Segredo  😉


Aprendi a simplificar as coisas e me alegrar com os pequenos passeios ou só por ver a minha linda moto decorando a sala.
Desenvolvi paciência e só piloto quando estou com energia para isto.
E me enterneço ao ver outros e a mim mesma pilotando com alegria e satisfação.

RIDE YOUR WORLD!!!
Boas Festas e Boas Estradas!🎄🌟😁



7 de novembro de 2016

Freios ABS nas Harley-Davidson

Olá amigos de estrada!
Uma vez li uma reportagem sobre os freios ABS das HDs, e a pessoa comentou que os freios não são eficientes em estrada de terra. Isso sempre ficou soando na minha mente e portanto, tinha uma certa resistência em experimentar uma moto com freios ABS na rua de casa. Mas um dia SURGIU a oportunidade e depois de subir e descer algum par de vezes - aprendi... Viva!!!

Anteriormente minha experiência com a Deluxe - que tem freios à disco -  é: 

  • só usar o freio traseiro e controlar a embreagem; 
  • jamais, jamais usar o freio dianteiro em baixa velocidade e numa descida de estrada de terra.



1 de novembro de 2016

Obras de Arte - Motocicletas

Para quem admira motocicletas, não importa a marca e nem o modelo; quando se encontra alguma que está sendo bem cuidada ou que foi customizada com empenho, o resultado é sentido quando batemos o olhar. Esses dias tivemos a oportunidade de apreciar estas duas motocicletas.

26 de outubro de 2016

Banco Solo para Sportster - ajustes

Há um tempo atrás havia comprado um banco solo para a Sportster 1200 e então, resolvi modificá-lo para as minhas necessidades já que estava sentindo dores nas costas.

Foto do Mercado Livre

Retirei a capa de vinil, desgastei a espuma nas partes laterais com o auxílio de uma lixa para madeira. Depois acrescentei espumas na parte de trás do banco. Desta forma, amenizaria as dores nas costas e também meus pés ficariam mais assentados no chão. 

21 de outubro de 2016

Sempre seja responsável pela sua Vida...

Foto Harley-Davidson Motor Company

" Wherever you go you will find your Teacher, as long as you have the eyes to see and the ears to hear." 
Shunryu Suzuki



14 de outubro de 2016

A série Harley-Davidson no Discovery Channel


Depois que compramos a primeira Harley-Davidson ficamos curiosos em saber mais sobre a história da lendária marca norte-americana. Muitos dos livros fazem um apanhado geral do início da fabricação das motocicletas, sem se ater às situações particulares e inclusive não tínhamos ideia do caráter dos protagonistas desta história. 
Fiquei surpresa positivamente por ver a força e o empenho destes fundadores e o quanto eles batalharam para manter o ideal de construir motocicleta acima de todos os problemas que porventura surgissem. 

9 de outubro de 2016

Brasil Motorcycle Show by Veruska

No dia 7 de outubro às 16:00 estávamos adentrando neste evento que tem acontecido anualmente em Curitiba. É uma grande iniciativa dos organizadores pois, Curitiba merece que este evento ganhe mais e mais destaque no universo motociclístico. 
Foi muito bom poder ver as novidades das várias marcas de motocicletas, pudemos rever pessoas queridas e mais uma vez, admirar estas máquinas que nos fazem sorrir...

Aqui algumas fotos de motos que roubaram nossa atenção...
Já na frente da bilheteria nos deparamos com esta Heritage, esbanjando classe...

Moto customizada por Celio Motorcycles

4 de outubro de 2016

Comparativo entre a CA e a Forty-Eight

Há um tempo atrás fiz uma postagem comparando a CA 2013 com uma Softail 2009. Mas, hoje o comparativo vai ser entre duas Sportster 1200, onde os detalhes é que farão a diferença, bem como o gosto de pilotagem de cada um.

A Sportster CA 2013 é potente, tem uma ótima resposta quando solicitada, o guidão é desconfortável para as meninas - precisando trocar por um mini-ape igual ao da Sportster CB. Os amortecedores não são eficientes e os freios não são ABS - mas são muito bons. O tanque tem uma boa capacidade 17 l e se você quiser levar uma garupa é indispensável um sissibar.



Já a Forty Eight 2016 tem um estilo Dark Custom, o tanque estilo peanut (clique neste link para saber porque ela se chama 48)é muito charmoso bem como o novo filtro de ar... Em todas as Sportster 2016 o painel de controle mostra as marchas, as RPM, além das informações anteriormente disponíveis.

23 de setembro de 2016

Qual óleo uso na minha Harley-Davidson


As concessionárias e muitas oficinas utilizam o óleo sintético. Pesquisando na internet várias são as opiniões... E nós, como somos leigas(os) no assunto não sabemos o que fazer. Qual tipo de óleo, verdadeiramente, é melhor a se usar?  

Entretanto, conversando aqui e ali, vamos conhecendo o trabalho de mecânicos experientes e que podem nos comprovar o quanto o óleo mineral é mais eficiente do que o óleo sintético. Isso mesmo, as Harley-Davidson trabalham melhor com óleo mineral ( única exceção é a V ROD).
O óleo mineral você encontra em qualquer lugar, o que não ocorre com óleo sintético para motos de alta performance. 
Sabendo disso e tendo em vista a frequência com que uso minha Harley, resolvi aderir, definitivamente, ao óleo mineral e à troca a cada 4.000 Km. Lembrando que a mudança do tipo de óleo implica na troca do filtro de óleo, para não dar problema no motor.

2 de setembro de 2016

Revestindo os Manetes com Couro - Nobuk

Quando chove e estamos pilotando sempre observei que as alavancas ficavam escorregadias. Seja na hora de apertar o freio dianteiro ou trocar marchas havia um certo desconforto. Então, decidi revestir os manetes e as alavancas com nobuk - um tipo de couro mais rústico que é facilmente encontrado nas casas de sapateiros.

23 de agosto de 2016

Marvel Comics e Harley-Davidson



Em comemoração aos 75 anos de Capitão América, a Marvel Comics e a Harley-Davidson ( dealers de Nova Zelândia e Austrália) desenvolveram 25 motocicletas customizadas, inspiradas nos heróis e vilões do universo Marvel.
E o resultado foi fantástico!!!

 Hulk - Harley-Davidson Fat Boy Lo, a.k.a. Strength

           Drax - Harley-Davison Fat Bob, a.k.a. Persuasive

     Thor - Harley-Davidson Breakout, a.k.a. Fearless


Black Panther - Harley-Davidson Breakout, a.k.a. Ferocious


Spider-Gwen - Harley-Davidson Street 500, a.k.a. Alternative






Fonte: IO9 Marvel and Harley-Davidson




10 de agosto de 2016

Just Riding...


Como é gratificante quando conseguimos apenas pilotar... 
Com a mente vazia e a estrada tranquila...

JUST RIDING!




Ride Your World


5 de agosto de 2016

Qual gasolina eu uso na minha Harley-Davidson

Depois de 10 anos de experiência com as Harleys, aprendi que devo evitar as gasolinas aditivadas.
Sem entrar em termos técnicos, prefiro usar a PODIUM da BR. Mas, se estou numa região onde não tem, dou preferência para a GASOLINA COMUM de um posto onde, aparentemente, há controle do nível de sujidades no combustível.

Em cidades interioranas sempre é melhor abastecer no posto de gasolina onde há o maior fluxo de abastecimento.


Sinceramente não entendo essa política de acrescentar etanol na gasolina, porque não deixar uma gasolina mais pura?
 Já que os carros importados e as motocicletas sofrem com esta gasolina alcoolizada... Mesmo que o preço fosse superior, aposto que muitos não se importariam de pagar mais a fim de prolongar a vida útil do veículo. O motor não aqueceria tanto e rodaria melhor...

E você qual a gasolina que utiliza na sua motocicleta?

10 de julho de 2016

HDPOINT SERVICE em Itajaí

Finalmente conseguimos ir conhecer a HDPOINT do nosso querido amigo Ivan. Estávamos acompanhando o nascimento do projeto via FB. Mas pessoalmente, pudemos ver que belo trabalho foi feito, utilizando contêineres e muita criatividade. Me apaixonei pelo Sombreiro que foi mantido; localizado no centro da construção ele será uma benção nos meses de verão.

Além da Hamburgueria, Cervejaria, Barbearia e serviços de lavação da sua motocicleta já em andamento no local, ontem foi inaugurada a Oficina especializada em Harley-Davidson. 




Belo sombreiro!

5 de julho de 2016

Mas... Qual é o farol certo?

Precisamos saber de algumas coisas antes da Lei 13.290 entrar em vigor.
  • Você sabia que o farol de milha não pode ser usado como substituto da luz do farol baixo?
  • Você sabia que as luzes de circulação diurna ( DRL- Daytime Running Light) não estão incluídas nesta lei?
  • Você sabia que a luz de posição - iluminação mínima - e o farol de neblina não substituem a luz baixa? Esta opção é a que eu usava, pois o farol de neblina durante o dia não afeta a visão dos motoristas que vem em sentido contrário e é bem visível na estrada.

30 de junho de 2016

Harley ou Indian...???

Desde que a Indian Motorcycles chegou ao Brasil, muitos amantes da Harley-Davidson se viram tentados a experimentar a novidade. Sabe como é a mente humana - adora uma novidade, desafios e outras potencialidades... Outros tantos se mostram fiéis à Harley-Davidson e não querem saber de nenhuma tentação em sua mente. Além disso, vi alguns proprietários de HD com um certo receio - "será que a minha Harley é inferior à uma Indian???"

Bom, só posso falar da minha percepção, a quem possa interessar:
Quando vi uma Scout, fiquei tentada a  fazer um teste ride ( mas também já sei que um test ride não vai mostrar todo o potencial nem os defeitos da máquina) para, um dia, adquirir uma a  fim de ampliar minha experiência no mundo 2 Rodas.
Confesso que sempre fui apaixonada pelo visual da Indian, ainda mais das Indian Chief Vintage. Gosto da luz sobre o pára-lama dianteiro e dos bancos em couro marrom e das linhas harmônicas - dão um estilo mais retrô a estas lindas motocicletas.

No momento atual do Brasil, devido ao alto valor do dólar, as motocicletas Indian chegaram com um valor muito acima das minhas expectativas.

19 de junho de 2016

Pilotar com Alegria...

Como em qualquer hobby, no começo vamos com muita sede ao pote. Mas com o passar do tempo podemos verificar em que circunstâncias o prazer e a alegria de pilotar desaparecem. 
Então, descobrimos que sempre é possível reavaliar as coisas e mudar quando for conveniente.

Menos é mais - menor quilometragem maior disposição e alegria. Menor desgaste maior é o prazer. E sem contar que conseguimos apreciar as paisagens e o momento... Nos sentimos vivazes, novamente!



Pilotar com Alegria from Vera Felippetto on Vimeo.
RIDE YOUR WORLD!



13 de junho de 2016

Customizando um Capacete

Em 2008 havia comprado um Nolan preto, porque não tinha outra cor. Sempre pensei em mandar pintá-lo porém, o tempo foi passando e como o utilizava bastante, não o fiz.
O capacete Nolan ficava um pouco apertado no verão e para resolver isto tirei o forro e desgastei o isopor com lixa grossa para madeira. Recentemente o forro estava todo desmantelado, então levei para o "João do capacete" em Curitiba e ele fez um excelente trabalho.

Como já havia pintado um capacete aberto ( clique neste link para ver), resolvi dar uma cor a este bom e velho Nolan. É claro que deu mais trabalho por ele ser escamoteável, todavia gostei do resultado...

Material:

  • Lixa fina 400 e 600
  • Spray automotivo para aderir a tinta ao plástico ( se na sua região tiver tinta para plástico - não vai precisar deste item)
  • Removedor de gordura e poeira
  • Papel e fita especial para pintura
  • Tinta spray - várias cores
  • Adesivos refletivos e decorativos
Ele era assim...

Foto Simone Felippetto


E Ficou assim...

4 de junho de 2016

Motorista ao celular...

Quando estou pilotando, principalmente nas estradas interioranas, tenho observado muitos motoristas dirigindo e falando ao celular. Parece que as pessoas estão tão dependentes deste aparelho que não conseguem se desligar nem nestas horas. 

As particularidades destas estradas interioranas são as seguintes: pista simples, engarrafamento em determinados horários; motoristas sem experiência de andar em rodovias - agem como se tivessem dirigindo dentro da cidade ou com medo por estarem na rodovia. Outros tantos, trabalham ou estudam em outras cidades e portanto, precisam chegar rapidamente no local de destino. Como a maioria parece estar correndo atrás do prejuízo - correm, fazem ultrapassagens perigosas e ainda usam o celular.

24 de maio de 2016

Red Wheel Harley-Davidson Londrina


Fomos passear em Londrina e aproveitamos uma manhã para ir conhecer a loja da Harley-Davidson em Londrina. Ela pertence ao mesmo grupo da The One Harley-Davidson em Curitiba. Fomos tão bem atendidos que retornamos no sábado para fazer algumas fotos e curtir um café da manhã em 2 Rodas com nossos queridos de Londrina. Pelo sorriso no rosto todos nós tivemos uma ótima experiência...
Momentos como estes não tem preço!!!

Mais fotos...

19 de maio de 2016

Indian Chief

 Uma Indian já é bonita, mas, uma Indian customizada fica um show!!! Em Curitiba, Celio Dobrucki customizou esta linda Indian Chief Classic, para parecer mais vintage ainda. Nós fomos até a America Motorcycles para ver de perto esta jóia de motocicleta. 

Originalmente ela vem assim

Depois de customizada ele ficou assim...

Que lindeza!

15 de maio de 2016

De Harley-Davidson em Gramado


... passear em Gramado com a minha Bella... Fazia tempo que queria fazer isto mas, nem sempre é possível conciliar a nossa vontade com a vontade do Universo.
Sem ter como apressar as coisas só posso dizer que, quando foi possível realizar este passeio - me senti plena e alegre, curtindo cada momento...

Não é preciso grandes esforços, grandes distâncias para se satisfazer pilotando sua motocicleta... Basta estar pilotando-a com a mente e o coração no AQUI e no AGORA.









4 de maio de 2016

Consciência no Trânsito... Dois pesos, duas medidas...

Num domingo de março, pilotando na região de Laguna, sinalizei e estava ultrapassando alguns veículos quando, repentinamente, um carro I30 preto de São José-SC entrou na minha frente - sem dar sinal - e logo freou por conta de uma lombada eletrônica - detalhe ( ele estava menos do que 110Km/h) - o que me fez frear bruscamente.
Depois do susto acelerei e ultrapassei-o com intuito de ficar longe de motoristas desse tipo. Mas a reação dele foi me ultrapassar novamente e me fechar para depois, acelerar atabalhoadamente.
Particularidade... ele tinha duas bicicletas no bagageiro e havia ido participar de algum evento no final de semana. 
A minha questão é - se ele anda de bicicleta será que ele só tem consciência de que ele é o mais frágil na bicicleta e quando pega o carro a coisa muda? 
Mais adiante encontrei o carro novamente e o motorista passou por nós nos encarando. Então, só posso concluir que ele estava consciente do que fez. E deve odiar de ver belas Harley-Davidson na estrada...


Quando estou de carro não tenho como não me colocar na posição de um motociclista ou ciclista, faz parte do "estar atento". A sinalização é importante já que os motociclistas daqui andam quase grudados no canto esquerdo do carro, cuidar ao ultrapassá-los a fim de manter uma boa distância; da mesma forma com as bicicletas - muito ciclistas atravessam ruas e cruzamentos sem olhar.

O trânsito é responsabilidade de todos, mas a displicência e falta de consciência ainda impera. Pessoas como esta e tantas outras que usam a estrada como um campo de disputas e de compensação de recalques.
Percebendo isto o melhor coisa a fazer é ficar longe delas... Deixa pra lá, sigam o seu caminho...

Quando não se pilota em grupos se está sujeito a estas situações portanto, o dobro de cuidado e atenção é preciso.
Evite pilotar cansado porque na hora de reagir a alguma situação perigosa seu reflexo poderá ficar prejudicado.

RIDE YOUR WORLD!!!




28 de abril de 2016

Passeando de Harley em Canela


Para se ter uma idéia de quão linda é esta cidade situada na serra gaúcha - a rua principal, a natureza do lugar e os belos jardins e arquitetura. Olhe que nem passei pelos pontos turísticos da cidade... Se você não conhece ou queres passear de moto por Canela... Então vem na garupa!!!


Só posso compartilhar com vocês aquilo que me fez ou me faz feliz... Pilotar e admirar a paisagem é muito bom. Há uma troca de energia com a natureza e com as pessoas que gostam de motos. Não é preciso ir muito longe para encontrar isto...




17 de abril de 2016

Do Not Ride... Fly!!!


Do Not Ride... Fly!!! from Vera Felippetto on Vimeo.
A satisfação está em reconhecermos a beleza do momento e desfrutar desta alegria de viver. Pilotar para mim, sempre é um desafio e portanto, não posso dizer que conquistei nada. Pois, a superação pertence apenas ao presente e não ao passado ou àquilo que está por vir.
RIDE YOUR WORLD!
Paisagens da BR 101 no Rio Grande do Sul, Rota do Sol e Canela - RS.




13 de abril de 2016

Pintando o capacete

Vida de artista não é fácil, não... ( artista no sentido de fazer arte, inventar moda...)
Peguei um capacete Nexx X70 na troca de um produto, e ele era todo preto (não tinha outra cor). Sabe -se que capacete claro fica bem mais visível para os outros quando estamos pilotando. Se não virem a moto, quem sabe vejam o capacete branco, rsrsrsrs...

Queria que o capacete ficasse parecido com as cores da minha Bella. Então comprei lixa 400, tinta spray, desengraxante, selador de plástico e mandei ver.
Confesso que deu algum trabalho pois, é difícil conseguir deixar a pintura uniforme e também marcas de dedos - a gente esquece que não é para pegar o capacete antes da tinta secar. Descobri que pior que deixar um respingo é tentar removê-lo... - a emenda fica pior do que o respingo.

Mas apesar de alguns borrões e retrabalhos - que não foram poucos, gostei do resultado.

Foto: Motosports


Pintei o símbolo de vermelho

29 de março de 2016

Viagem à Treze Tílias

Faz muito tempo que gostaríamos de ir conhecer as estradas que nos levam à Treze Tílias. Como dificilmente usamos a BR 116, resolvemos fazer primeiramente uma sondagem da situação. Haviam 2 possibilidades de trajeto - via BR 116 e BR 153 ou Transbrasiliana. Escolhemos o caminho mais curto, ou seja , via BR 116.
Quando saímos da BR 280 para entrar na 116 já começaram os trechos com obras, cortes de árvores e manutenção do acostamento... Tudo isso com paralisação de 5 à 20 minutos; esta situação vai minando a boa disposição, mesmo que estejamos no mais confortável dos veículos, que dirá numa motocicleta...
Um pouco antes de Santa Cecília entraríamos em direção à Fraiburgo.
Chegando perto de Videira tínhamos a possibilidade de ir por Iomerê até Treze Tílias ou por Ibicaré. Paramos num lugar para nos informar da situação da estrada e nos disseram que seria melhor ir via Ibicaré, porque se evitaria 13 Km de estrada de chão.
Muito bem, fomos via Ibicaré... Que roubada - grande parte do trajeto está em obra e outra parte não tem nem asfalto e outra ainda, obra inacabada.

Conclusão da nossa aventura: saímos às 8 da manhã de casa e chegamos em Treze Tílias às 15:35 percorrendo mais ou menos 370 Km.



Nesse caso caminho "mais curto" não foi o mais rápido e nem o melhor...

Chegando em Treze Tílias ficamos num hotel no centro da cidade, e depois fomos conhecer a Pizzaria Edelweiss onde se fabrica a Cervejaria Bierbaum.

Abaixo algumas fotos da encantadora cidade...


Igreja Matriz

18 de março de 2016

Reboque para a sua Harley-Davidson

Esses dias encontrei um vídeo na internet de um reboque fantástico. Foi uma grande idéia inventar um reboque onde se prende a roda dianteira da motocicleta e facilmente coloca-se a bike na posição desejada.
Pesquisando um pouco mais sobre as Carretas Angola - clique neste link e verifique - , descobri que eles fazem desde carretas para bicicletas, karts, triciclos, quadriciclos e até barcos. Uma infinidade de possibilidades para quem tem uma 2 , ou 3 motos.

Este reboque possui uma rodinha na região do engate, o que facilita o manuseio da mesma (as suas costas vão agradecer). Você não precisará fazer nenhum esforço para embarcá-la no reboque. E por ter uma plataforma você sente-se seguro pois os pés ficam apoiados na mesma.

Foto do site Carretas Angola

Foto do site Carretas Angola


Carreta para uma Harley-Davidson.
Não é genial???

12 de março de 2016

Ponte Anita Garibaldi em Laguna

Quem passa pela Ponte de Laguna hoje, não imagina ou para quem passava sempre - já esqueceu das horas de congestionamento  neste local.
Sempre víamos muitos homens trabalhando, máquinas , barcaças, caminhões; é de se admirar pois ficou uma grande obra de arte...

Por estar consciente do que já passamos quando não havia a ponte, é uma alegria atravessá-la...
Ainda mais de moto, com o vento no rosto e o magnífico entorno...
Diminuo a velocidade, abro a capacete e brado para os quatro ventos...
QUE LINDEZA!

Quer ter uma idéia, então sobe na garupa e vamos nessa!!!!





Ride your World!



8 de março de 2016

Dia Internacional da Mulher - SHAKTI POWER

Dia internacional da Mulher... Gostaria de ampliar isto para todos os dias e para todos os momentos pois, em nosso corpo feminino habita uma poderosa energia - SHAKTI POWER. Ela está presente em todos os seres, mas a mulher foi mais abençoada.



" Em nós, a shakti é descrita em inúmeros textos místicos como uma espécie de "pilha elétrica". Essa célula de energia é semelhante à do átomo, fornece a energia que utilizamos para o funcionamento consciente e subconsciente. A limpeza que nossos corpos realizam enquanto dormimos é acionada pela shakti, que energiza os sistemas nervosos simpático, parassimpático e autônomo para que eles enviem instruções ao sistema linfático, à glândula pituitária e a uma multidão de outros locais em nossas formas adormecidas. Quer se trate do sangue circulante nas veias e artérias, de um impulso nervoso transpondo num salto uma folga sináptica no cérebro, do nosso corpo se esforçando enquanto pilota uma motocicleta, a nossa shakti fornece a energia para realizar a atividade. Uma vez que muitas dessas funções se processam o tempo todo por trás de nossa consciência, nós não pensamos nelas. Mas, dela cientes ou não, a shakti é o poder por trás de todas elas."

Do livro: SHAKTI - Os Mantras de Energia Feminina
                                 Thomas Ashley Farrand


RIDE YOUR WORLD!



27 de fevereiro de 2016

Brincadeira de gente grande...






Todo hobby tende a ser assim, e se não lhe tirar boas risadas então, encontre algo que te faça sentir bem...




17 de fevereiro de 2016

Cuidando das jaquetas de couro

A gente não tem idéia do trabalho que dá para manter as jaquetas livres de mofo quando se mora num lugar onde chove-se muito. 
No começo, costumava passar uma mistura de 50% de água e 50 % de vinagre de álcool. Deixava secar ao ar livre ( evite sol direto) e depois guardava a jaqueta no armário. Em outro momento usei uma capa de TNT para proteger o couro porém, isto acabou piorando a situação.

Mais adiante resolvi, depois de passar o vinagre e esperar secar , aplicar uma camada de cera específica para roupas de couro. Tomava o cuidado, depois de seca, de tirar o excesso da cera.

Como no ano passado choveu muito, nem o vinagre puro estava resolvendo a situação. Já não sabia mais o que fazer. Experimentei levar um colete para uma lavanderia de renome. E adivinha só - ele retornou deformado e com o couro ressecado e os fungos voltaram com força total. Conclusão - não mando nenhuma peça de couro para estes dito "especialistas". 

Pesquisando na internet descobri um óleo de melaleuca, que diluindo-se 50 gotinhas em 1 litro de água são muito eficientes para acabar com mofo - seja na parede de alvenaria ou de madeira e também nos móveis. Como na descrição do produto comentavam que os soldados das grandes guerras usavam este óleo para evitar que os ferimentos infeccionassem... Todavia não faria mal a uma roupa de couro.

Agora já fazem mais de 2 meses que pulverizei este óleo de melaleuca com água no colete e ele está perfeito - ou quase perfeito se não fosse o trabalho da lavanderia. Para amaciar o couro estou aplicando óleo de amêndoas com algumas gotas do óleo melaleuca ( pinguei diretamente no frasco) e depois passando um pano para retirar o excesso.

E no closet coloquei alguns potinhos com cal e tudo está sob controle agora.
Quem sabe minha experiência possa lhe ajudar de alguma forma.
Até a próxima postagem!


8 de fevereiro de 2016

Minha Modelo Preferida...

Um dia desses me pediram para publicar algumas fotos da minha Bella, customizada com todo carinho por Celio Dobrucki.
Sou suspeita, eu sei, em falar que ela é a minha modelo preferida. Mas vocês podem ver que até a Harley-Davidson Company, gostou tanto da minha  - que as Deluxe 2016 estão vindo na cor azul claro... (brincadeira)
Mas, vamos ao que interessa...

Lanterninha no Paralama

18 de janeiro de 2016

Estacionamento para Motocicletas nos Hotéis

Quando vamos de motocicleta para uma cidade grande, geralmente nos deparamos com situações inusitadas com os garagistas dos hotéis. Principalmente porque a maioria não sabe o que é fazer manobras em baixa velocidade com uma motocicleta pesada e cheia de bagagem...
Muitas vezes o lugar das motos é de difícil acesso, ou próximo a lavanderia ou lugar de descanso dos funcionários...

No Hotel Majestic de Florianópolis o preço do estacionamento para motocicleta é o mesmo do de um automóvel. E os garagistas nos obrigaram a estacionarmos entre carros e colunas, pois era um espaço onde não caberia nenhum carro... Bons tempos quando a antiga gerência nos deixava estacionar na garagem do primeiro nível.
Em Curitiba, o Hotel Mercury também nos colocou numa vaga - boa, porém cobrou 2 valores de automóvel - a alegação foi de que as motos têm o valor de um carro ( tudo bem).
No Ibis, também em Curitiba queriam que deixássemos as motos num cantinho espremido.
E ainda, um hotel que no começo das nossas idas - cobrava a metade da diária de um carro -  agora cobra o dobro. E o local para estacionar a moto também não é dos melhores...

4 de janeiro de 2016

Morando no interior e tendo uma Harley-Davidson

Se você mora numa cidade interiorana e recentemente adquiriu uma Harley-Davidson, vai se dar conta  de que não tem nenhuma oficina que saiba mexer na sua motocicleta. E se você quer ter uma certa autonomia, precisa ter alguns itens indispensáveis para a boa manutenção da sua bike.

É claro que no caso das revisões, é importante levar numa oficina - especializada - de confiança ou no Dealer. Mas, tem coisa que você pode fazer sozinho(a).

Com o tempo vamos vendo quais são as ferramentas necessárias para os serviços que nos propomos a fazer. Adquiri  um jogo de chaves allen,  um jogo de chaves torx, chave de boca em polegadas e chave philips.

Vìdeos Zen na Motocicleta